parallax background

Viajar torna-o mais inteligente?

Qual é a utilidade da Consulta do Viajante?
Maio 8, 2019
5 Razões para visitar Porto Santo
Maio 13, 2019

Viajar oferece-nos inúmeros benefícios e um novo estudo concluiu que as viagens podem torná-lo mais inteligente.

Segundo um estudo realizado pelo professor Willian W. Maddux (professor de comportamento organizacional no INSEAD – Instituto Europeu de Administração de Empresas), indica que as pessoas que dedicam algum do seu tempo a viajar desenvolvendo-se com novas comunidades adquirem novas aprendizagens multiculturais.

O estudo prova que existe uma ligação entre a capacidade da pessoa se adaptar a novos meios/culturas e a vontade em reconhecer boas perspectivas sobre determinada questão. «Quando indivíduos são expostos a um mesmo ambiente multicultural, é a sua abordagem psicológica e o envolvimento com diferentes culturas que determina o crescimento da sua capacidade de integração e o aumento das oportunidades profissionais» explica o artigo da revista Forbes.

Este estudo, do professor Willian, não é o único que prova os benefícios cognitivos das viagens. Em 2009, o Journal of Personality and Social Psychology publicou um estudo sobre esta temática que concluiu que os estudantes que viviam no exterior eram 20% mais propensos a resolver uma tarefa informática do que aqueles que simplesmente ficaram no seu país de origem. Já um outro estudo realizado em 2015, mostrou que os indivíduos que ficavam a olhar para uma fotografia sobre natureza durante 40 segundos melhoraram significativamente o seu desempenho numa tarefa seguinte, apenas por imaginar viajar para um destino especialmente rico em natureza.

Em suma, quanto mais viajamos e mais culturas descobrimos, mais aprendemos. Adquirimos novos pontos de vista e várias lições sobre o mundo.

Do que está à espera? Está na hora de marcar a sua próxima viagem!

Faça a sua simulação em www.emviagem.pt e reserve online.

 

 

Fonte: Volta ao Mundo